Uso Racional da Água

0

Resumo

No contexto da grande preocupação mundial sobre a escassez da água, várias soluções tem sido estudadas. Neste trabalho o objetivo  é apresentar algumas formas de uso

uso racional da água

Uso Racional da Água

racional da água no cotidiano de cada cidadão.

Introdução

A água é um recurso natural muito precioso que vem cada vez mais sendo estudada nas últimas décadas. O uso racional da água e o combate ao seu desperdício são hoje uma preocupação mundial. Alguns estudos de instituições internacionais estimam que até 2025 um terço da população mundial experimentará efeitos extremos de escassez de água. Com a preocupação e agravamento de falta de água, as pessoas devem assumir uma nova forma de pensar e agir, mudando seus hábitos e desenvolvendo formas de economizar água.

A proposta deste tema é expor algumas formas economizadoras que se pode aplicar na vida cotidiana de cada cidadão.

Origem da escassez da água

Esses problemas estão associados a vários fatores:

  • Distribuição geográfica desigual,
  • Aumento desordenado da população,
  • Mau uso do recurso,
  • Deterioração rios, lagos e oceanos,
  • Etc.


O esgotamento do recurso “água” é uma realidade e o uso racional deve ser considerado uma prioridade ambiental e social. Em se tratando do contexto mundial, Oriente Médio, Norte da África, Ásia Central e África Subsaariana são os que mais sofrem com a escassez. Falando de Brasil, o consumo nos últimos anos dobrou, e a expectativa é que dobre novamente, estimulada pelo consumismo. A disponibilidade de água per capta já é três vezes menor do que 1950.

Formas Economizadoras de Água

Conscientização

Várias formas de conscientização sobre o uso racional da água foram implantados, tanto a titulo federal, estadual e municipal, mas a realidade está bem distante do que se almeja em relação ao cotidiano de cada pessoa.

Deve-se buscar a cada dia a conscientização para que com isso possamos obter resultados positivos contra o desperdício de água doce. Conscientizar pessoas para:

  • Fechar bem as torneiras,
  • Tomar banhos mais curtos,
  • Não gaste água lavando carros e calçadas,
  • Reutilizar água para diversas utilidades,
  • Não jogar/poluir fontes de água (rios, lagos, etc.)


Dispositivos Economizadores de Água

A Partir dos anos 90, os programas de conscientização de água passou a utilizar menos as soluções que dependam da colaboração continua dos consumidores e enfatizou mais a adoção de equipamento economizadores de água , pois garantem uma redução mais automatizada do consumo da água.

Hoje grandes indústrias e instalações comerciais utilizam desses recursos e ou dispositivos para redução do consumo.

Estudos mostra que o banheiro é o grande vilão em relação ao consumo de água. O consumo de água para fins de higiene pessoal está entre 65% a 75% do total de água utilizada no domicilio.

Equipamentos Economizadores de Água:

  • Torneiras de fechamento automático,
  • Reguladores de vazão para torneiras,
  • Válvulas de Descarga de vazão regulável,
  • Vasos sanitários com caixa de descarga (tipo acoplada e ou de embutir na parede),
  • Arejadores de ar para torneiras.


Alguns Países já implantaram políticas públicas de incentivo à instalação de equipamento economizadores e ou tornaram obrigatória a utilização desses dispositivos.

Conclusão

Em pesquisas já realizadas, é expressiva a economia de água oferecida pela instalação desses equipamentos economizadores de água, somando ao trabalho de conscientização do cidadão. Deve-se destacar que estamos caminhando para o esgotamento da água doce, logo se faz necessária e urgente que todo o ser humano compreenda as drásticas conseqüências que isso pode causar.

Autora: Silvia Regina Borri

Fontes: Site CENED, CIRRA – Centro Internacional de Referência em  Reuso da Água

Compartilhar

Deixe seu Comentário

Receba nossos vídeos e dicas!